Carregando busca...
+55 (31) 3224-2434  -  3224-0017

Notícias

Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua pode ser reconhecido “marco zero” de Belo Horizonte Por Assessoria de imprensa e marketing da arquidiocese de Belo Horizonte 16/06/2017 - Atualizado em 16/06/2017 10h10

 Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua pode ser reconhecido “marco zero” de Belo Horizonte
A+ a-

Autoridades do poder público federal, estadual e municipal se reuniram com religiosos sacramentos na Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem – Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua para iniciar o planejamento de importantes celebrações para a Capital Mineira: o reconhecimento da Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem como ponto de origem de Belo Horizonte, os 120 anos da Capital Mineira, os 80 anos de adoração ininterrupta ao Santíssimo Sacramento no Santuário de Adoração Perpétua e os 40 anos de tombamento deste lugar sagrado pelas instituições que protegem os bens culturais e históricos.

Participaram o secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, o vice-prefeito de Belo Horizonte, Paulo Lamac, a superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em Minas Gerais, Célia Corsino, entre outras autoridades. O provincial dos sacramentos, padre Alejandro Fabio e o reitor do Santuário, padre Marcelo Silva, receberam os convidados. Padre Marcelo recordou que o Arraial Curral Del Rey, povoado que deu origem à Capital Mineira, nasceu no entorno de uma Igreja dedicada a Nossa Senhora da Boa Viagem. Assim, “reconhecer que a Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem é o marco zero de Belo Horizonte contribui para que a história da cidade seja mais conhecida pelos belo-horizontinos”.

voltar
Receba artigos e notícias da CNBB Leste 2 Cadrastre seu e-mail...
Av. João Pinheiro, 39, 2º andar
Boa Viagem, Belo Horizonte - MG
30.130-183   Trace sua rota...


+55 (31) 3224-2434  -  3224-0017
© 2014 - 2017 CNBB Regional Leste 2 - Todos os direitos reservados.